23/07/2009

TINHA QUE SER VOCÊ


Qual a chance de um filme com o ator mais chato do planeta, uma atriz cujo momento já passou a algum tempo e dirigido por um cara praticamente desconhecido ser um fiasco total? Toda. - É o que eu também responderia, tanto que nem cogitava assistir. Acontece que uma sucessão de fatores fez com que o único horário que tinha disponível pra ir ao cinema era o da sessão desse filme. E lá fui eu, com toda má vontade possível, e acabei quebrando a cara legal! Dustin Hoffman está surpreendentemente frágil e simpático, e Emma Thompson tem todo o charme da meia idade nesta estória de duas almas solitárias que se encontram em Londres no casamento da filha dele.
Ao contrário do que se poderia pensar, não é uma comédia romântica bobinha como essa da Sandra Bullock em cartaz e mais trocentas iguais a ela. Trata-se de uma dramédia, feita com sensibilidade madura (o título original é Last Chance Harvey), que me deixou com um nó na garganta em vários momentos.

6 comentários:

Dilberto L. Rosa disse...

Só discordo ser Dustin o ator mais chato do mundo... Mas sua construção de idéias me fez mudar também meus conceitos e experimentar uma aguda curiosidade de ver esse filme! Especialmente diante das atrocidades comerciais que tenho sido obrigado a aguentar no mês de julho... Ótimas resenhas por aqui; uma pena eu não ter acesso a filmes melhores: falo de São Luís do Maranhão e por aqui reinam os 'blockbusters' nas poucas salas existentes! Também falo de Cinema no meu terceiro 'post' em exibição no meu espaço! Abraço!

Sergio Andrade disse...

Dilberto, eu acho disso do Dustin desde que interpretou aquele autista. A partir de então ele repetiu sempre o mesmo papel, com pequenas variações de filme pra filme rsss.
Esse filme realmente me surpreendeu, bem superior aos blockbusters barulhentos que tomaram as salas de assalto. O problema não acontece só na sua cidade, não :(
Obrigado pela visita, volte sempre. Também já visitei seu blog, bem bacana!

Um abraço!

Graciele disse...

Sergio, eu tb fui ver esse filme sem grandes expectativas e me surpreendi positivamente. Achei um lindo filme sobre a solidão da meia-idade nos dias atuais. Fiquei sensibilizada em muitos momentos e adorei a Emma Thompson do começo ao fim. Tudo muito delicado. Que bom que vc tb gostou! :)

Sergio Andrade disse...

Uma raridade hoje em dia: um belo filme para gente adulta!

Ailton disse...

Esse filme entrou hoje em cartaz aqui em Fortaleza, mas acho que o tempo e outros fatores não vão me permitir vê-lo no cinema. Mas quem sabe, né? Fiquei animado, depois do teu texto. E olha que eu gostei da comédia da Sandra Bullock! Hehehe

Sergio Andrade disse...

Ailton, o filme é um oásis no meio de tanto blockbuster voltado para crianças e adolescentes. Vale a pena ser visto no cinema. Abraço!

Pesquisa do Blog