02/03/2009

AS TESTEMUNHAS

André Téchine saiu do armário em “As Rosas Selvagens”. Mas aquele filme soava quase como um pedido de desculpas. Era como se o diretor estivesse dizendo: “Olha, eu sou gay, mas um gay sensível, viu”, ou algo assim.

Agora assumidíssimo, ele consegue ser mais sóbrio neste “Les Témoins”.

Dividido em três capítulos (pois se trata do livro que a personagem de Emmanelle Béart está escrevendo) acompanha, como diz o título, as vidas de várias pessoas que vivenciaram uma época, a do surgimento da AIDS, com toda a intensidade possível, sem motivos de arrependimentos, e sobreviveram (ou não) para contar a história.

Poderia ter caído facilmente no melodrama, mas não é o que acontece, tudo é feito de modo bastante sensível e humano, como pode ser comprovado no trailler. Belo filme!

12 comentários:

Vlademir disse...

Gostou do filme do Techine, Sergio?

Sergio Andrade disse...

Muito Vlademir. Não ficou claro no texto?

Vlademir disse...

Hehehe quando postei o primeiro comentário você só havia colocado o vídeo, não o texto.

Sergio Andrade disse...

Ah, bom, tinha ficado preocupado hehehe!
Concordo totalmente com seu texto sobre o filme, ele testa nossas emoções até o limite.

Abraço!

Graciele disse...

Esse post me fez ficar com MUITA vontade de ver o filme!

Sergio Andrade disse...

Veja sim, acho que vai gostar.

Ronald Perrone disse...

Também fiquei com vontade...

Do Techiné só vi o primeirão dele Rendez Vous que é bem bom!

Sergio Andrade disse...

As Testemunhas também é bem bom hehehe!

Só uma correção, Ronald. Antes do Rendez Vous ele tinha feito uns 4 ou 5 filmes. Ainda falta vários pra eu ver, mas dos que vi recomendo "As Irmãs Bronte", "Ma Saison Preferee" e "Les Voleurs".

Abraço!

Ronald Perrone disse...

Nossa, é verdade...eu viajei misturando o "primeirão" que eu vi (e único hehe), como sendo o primeiro da filmografia... mas faz parte. Abraço!

Sergio Andrade disse...

No problem, man rss!
Rendez Vous é um dos que preciso ver.

Vlademir disse...

Um dos filmes anteriores do Techine, o Anjo da Guerra, também com a Emmanuelle Beart (não confundir com um outro título quase igual estrelado pelo Williem Dafoe e pelo garoto Osmont) pode ser facilmente encontrado nas locadoras. Outro dia peguei o dvd, não tive tempo de assistir, mas tirei cópia para ver outra hora hehe.

Sergio Andrade disse...

Bem lembrado, Vlademir! Eu vi esse filme, muito bom também.

Pesquisa do Blog